Um museu especial – Kristallwelten

Quando se pensa num Museu da Swarovski, pensa-se numa série de peças expostas, talvez de forma cronológica, com algumas relíquias históricas recuperadas dos primórdios da empresa. Pelo menos foi isso que pensei quando tomei conhecimento da existência de um museu desta empresa.

Mas essa ideia não podia estar mais afastada da realidade. Trata-se sim de um museu magnífico de arte moderna e contemporânea. Claro que as obras tem alguma relação  com  cristal da Swarovski, mas tal pode ter sido feito de forma subtil e parcial no uso como matéria prima, de um conceituado artista de renome internacional.

O Museu está muito bem organizado, por salas temáticas que permitem uma visita de cada um ao seu ritmo, repleta de surpresas e de exclamações de admiração durante toda a “viagem”.

A primeira vez que vi referencias ao Museu pensei que o mesmo se localizava na Rússia, pois o Gigante tinha convidado a Rússia para seu “habitante” durante uma temporada. Em anos seguintes já teve como convidados também a Índia e o Brasil.

Vestígios dos convidados do Gigante eram visíveis no exterior do Gigante, assim como no seu interior.

Mas o país anfitrião, é sempre a Áustria, uma vez que este Museu se localiza em Wattens, uma pequena cidade próxima de Innsbruck.

O Museu é referido diversas vezes como o Gigante uma vez que o aspecto exterior do mesmo é justamente o de uma cabeça de Gigante a compor uma montanha.

Muito se pode dizer sobre este Museu que adoro visitar em qualquer estação do ano, e que sempre que regresso me reserva novidades para descobrir.

Hoje deixo apenas imagens da entrada e de algumas obras que se podem encontrar no Hall, outras salas ficarão para posts posteriores.


As obras são respectivamente de:

  • Estela – Keith Haring,
  • Nana – Niki de Saint Phale
  • Porte-Manteau Montre 1971 – Salvador Dali
  • Fracção de uma das paredes do Hall de entrada
  • Gems, 1978  – Andy Warhol
  • Adornos Cerimoniais de um Cavalo favorito do Maharajah, 1991 – Daniel Swarovski
  • Poemas de Cristal, 1995 – John Brekke

Curiosidade: Foi esta Nana, obra de Niki de Saint Phale, que primeiro me despertou o interesse por esta artista, e a vontade de descobrir outras obras suas.

Anúncios

One thought on “Um museu especial – Kristallwelten

  1. a foto do gigante tá espectacular…e realmente ninguem diria que swarovski seria austriaca…pelo nome tambem achava que era uma empresa russa

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s