Veneza, muito mais que Carnaval

Há locais que são conhecidos por um evento, por um acontecimento, uma data, uma individualidade ou mesmo uma arquitectura  particular.

Veneza não encaixa minimamente nesse perfil. Veneza é muito mais que uma soma das partes. Em Veneza a nocao da exactidão matemática não se aplica. Dois mais dois não são apenas quatro e por mais que se subtraiam elementos nunca se encontra o vazio…

Veneza é um destino turístico italiano dos mais procurados ao longo do ano e não numa época especial.

A visibilidade e reconhecimento internacionais do Carnaval de Veneza, claro que tornam este destino muito atractivo durante essa época do ano. No entanto quem se desloca a Veneza encontra muitos motivos para ficar seduzido pela cidade e com vontade de voltar.

Por certo muitos quando visitam uma cidade, quando se despedem da mesma ficam com a sensação de ter colocado um visto sobre esse destino de férias, um ponto final sobre a necessidade de lá voltar (afinal nao faltam destinos no mundo que ainda estejam por descobrir).

Em Veneza isso não acontece, pelo menos comigo, pois há sempre algo que ficou por ver, por experimentar, por visitar e ficar a conhecer. Veneza tem um encanto místico que me seduz e que não consigo explicar.

Veneza possui lojas de grande gabarito, e como uma cidade italiana que se preza, acompanha e apresenta as ultimas tendências de moda, pelo que não faltam tentações para alterarmos o nosso guarda-roupa, mesmo que sejamos muito disciplinadas e tenhamos nocao que férias são para passear, visitar e ficar a conhecer novos locais. Nessa categoria não se incluem seguramente os provadores, das lojas onde as montras nos encheram de desejos, com a imaginação a fervilhar e a vontade de usar o cartão de crédito incontrolável.

Admito que consegui resistir à tentação dessas lojas no que concerne à luxuria e à vaidade.

Mas de Veneza não resisti a sair sem trazer mais uma máscara comigo.

Há cidades que por mais que queiramos trazer uma lembrança típica de lá, a ausência de referencias, artesanato ou especificidades relevantes, dificultam a tarefa.  Em Veneza a escolha de uma recordação da estadia por lá também é deveras dificil, mas por excesso de escolha, e de escolha de elevada qualidade e interesse.

Nesse domínio as Mascaras de Veneza, parecem incluir-se no grupo do “must have”, sem qualquer discussão. A discussão pode ser entre optar por uma máscara original feita por mãos venezianas, ou uma cópia produção industrial em grande escala “made in China”.

Eu optei por uma máscara “handmade” em Veneza com selo de autenticidade, mas tive mesmo imensa dificuldade em escolher uma e apenas uma, pois muitas, demais, ficaram retidas nas minhas retinas.

Este é um exemplo do que preenchiam muitas lojas e tendinhas nas ruas e praças. Perante tal diversidade de tipo e escolha não facilitam mesmo nada a tarefa, não concordam?

Advertisements

2 thoughts on “Veneza, muito mais que Carnaval

  1. Pingback: Brinde a um Natal fantástico… | Turista Ocasional

  2. Pingback: Em véspera do aguardado Natal… | Turista Ocasional

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s