Potsdam – Parque Sanssouci

Na capital do estado alemão de Bradenburgo, Potsdam, localiza-se o Parque Sanssouci, sem dúvida a principal atracção turística não apenas da cidade como do estado de Brandenburgo (mas certamente uma de muitas).

Durante o percurso até  ao parque, estes foram alguns dos locais em Potsdam e arredores por onde passei.

“O Parque Sanssouci é um monumento único composto por palácios, estruturas arquitectónicas e complexos de jardins de várias épocas. Teve início no séc. XVIII e o seu desenvolvimento continuou até ao fim da monarquia em 1918. O seu foco principal é o famoso Palácio Sanssouci, a residência de Verão de Frederico II, e desenhado com terraços de vinhas depois de 1744. Mantendo as condições topográficas, os jardins Fredericianos extenderam-se desde o Obelisco até ao Novo Palácio. No séc. XIX o Paisagista Peter Joseph Lenné adicionou numerosos projectos de jardim, incluindo os do Charlottenhof,  o jardim Marly, o jardim Nórdico e o jardim Siciliano. O embelezamento estendeu-se à paisagem circundante.
Em 1990 o conjunto de palácios e jardins em Potsdam e Berlim foi admitido na lista Património Mundial da Unesco. O cuidado e preservação destes jardins e monumentos arquitectónicos excepcionais é uma das principais tarefas da Fundação dos Palácios e Jardins Prussianos em Berlim-Brandenburgo” (tradução de um texto do mapa do Parque de Sanssouci)

O mapa seguinte evidencia algumas das principais atracções que se podem encontrar neste parque.


Passear neste parque num dia de sol, revelou-se um programa perfeito e bastante extenso, tal o número de recantos disponíveis para serem descobertos.

A entrada no parque conduziu directamente à sua atracção principal, o Castelo de Sanssouci. Sem dúvida um castelo com um exterior fantástico e com a peculiaridade de possuir umas vinhas nas escadarias à frente da sua fachada voltada para o parque.

Depois de apreciar o castelo e seus arredores mais próximos, o próximo destino no parque foi a Casa /Pagode Chinês.  Já tinha conhecido outros pagodes chineses em Parques adjacentes a Palácios alemães. No entanto este do Parque de Sanssouci é sem dúvida o mais espectacular.

A compilação de fotos seguintes, com alguns pormenores do seu exterior, talvez permitam transmitir melhor o porque de ter ficado realmente muito bem impressionada com este Pagode Chinês.

Depois de completamente deslumbrada pelo Castelo e pelo Pagode, a visita ao parque continuou, curiosa por descobrir que mais surpresas este me reservava.

A paragem seguinte foi nos denominados Banhos Romanos, muito bem localizados, perto de um lago no parque.

Também próximo do Lago, depois de visitar o edifício dos Banhos Romanos, continuando pela pequena rua lateral ao lago, chegou a vez de ficar a conhecer o Castelo de Charlottenhof, com vista directa para o Jardim de Rosas à frente do mesmo (que por sua vez tem um dos lados “colado” ao lago).

Depois de uma caminhada entre árvores e jardins, começo a apreciar ao longe o Novo Palácio, que fica em uma das extremidades do Parque de Sanssouci.

Na compilação de fotos seguinte é possível vislumbrar esse palácio em ângulos diferentes bem como encontrar os dois edifícios (Comunas – Quartos dos Empregados) que se localizam em frente ao mesmo.

No passeio de regresso de novo até ao Palácio/Castelo de Sanssouci, ainda tive oportunidade de descobrir outros locais imperdíveis.

Apreciar o Belvedere ao fundo de um corredor de árvores proporcionou-me uma imagem idílica da paisagem. Não resisti igualmente, a fotografar uma estatueta de madeira nas redondezas por a considerar curiosa e inesperada naquele cenário.

Claro que não podia deixar de conhecer a Orangerie (cuja tradução literal é de Laranjal), outro dos “clássicos” de edifícios num parque com a envergadura deste, onde numa espécie de estufa se encontram plantas exóticas, oriundas de vários locais mais ou menos longínquos. A acrescentar a estas características, a possibilidade de uma vista fantástica sobre o parque e um edifício imponente, como depressa este parque me habituou a encontrar, fazem deste local outro dos incontornáveis a visitar (tendo essa oportunidade).

Em contrapartida as obras de restauro do Moinho de Vento Histórico não me permitiram admira-lo como gostaria.

Nas proximidades do Moinho e do Palácio/Castelo de Sanssouci (ou seja, próximo do meu ponto de partida) ficam também as Novas Câmaras, que numa arquitectura e  tonalidade amarela se insere bem no na função para que foram criadas e no contexto já que a cor é identica à das fachadas do Sanssouci.

 

 

Advertisements

5 thoughts on “Potsdam – Parque Sanssouci

  1. Parabéns pelo magnífico artigo e fotos.

    Conheci, quer o parque, quer o palácio, num passado bem recente, e esta foi uma forma explêndida de o recordar.

    Obrigada!

  2. Sanssoucis, assim chamado porque era um lugar sem arrelias ou preocupações, a realeza conseguia dessa forma gozar em pleno o luxo! Adorei as fotos.
    Beijinho

  3. Lá que é um local fantástico e que desperta o melhor de nós, sem dúvida num ambiente luxuoso e que apela ao relaxe e à descontracção, isso sem dúvida alguma.
    Adorei mesmo ter conhecido o palácio e o parque Sanssouci…
    Recomendo a todos que não o conhecem e que tenham oportunidade de o fazer, que o façam pois certamente não se arrependem.
    Beijinhos

  4. Pingback: Palácio e Parque de Nymphenburg « Turista Ocasional

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s