O Castelo de Burghausen

Depois da visita ao museu da fotografia, revisitado nos artigos anteriores, a visita ao Castelo Burghausen. Afinal tinha sido a vontade de conhecer o castelo mais longo da Europa (e um dos mais extensos do mundo), com cerca de mais de 1000m de extensão, o que efectivamente despoletou a vontade de visitar esta cidade.

À entrada deste complexo de Castelo, junto ao parque de estacionamento, foi possível ficar de imediato com uma ideia visual de como é constituído este conjunto arquitectónico de fortificado, através desta planta colocada na parede/vedação.

Com uma planta assim, só se pode ficar com ideia de que se trata realmente de algo imponente e extenso, muito extenso.

Mas é o placar informativo que se encontra próximo e que possui também um pouco da história deste castelo que valida efectivamente a importância do mesmo.

“O Castelo Burghausen é o complexo de castelo mais longo na Europa.Tem um total de seis pátios e um comprimento de mais de mil metros.
Até à Idade Media tardia, este castelo foi usado pelos duques da Baixa Baviera, que residiam em Landshut. Servia vários propósitos – como uma segunda residência, como a sede de duquesas e viúvas, como o lugar onde os filhos eram educados, como o tesouro e como prisão do estado. Durante o ducado de Heinrich XIII, o primeiro Duque da Baixa Baviera (que governou entre 1255 e 1299) foram construídas partes do castelo principal . Em 1387 o castelo tinha alcançado o comprimento que existe hoje. O Duque Georg o Rico da Baviera-Landshut (que governou de 1479 a 1503) foi responsável pela última etapa da expansão das fortificações; ele tornou o Castelo Burghausen em uma das maiores e mais modernas fortalezas da sua época. Depois da morte do Duque Georg e da reunificação de vários Ducados bávaros, o castelo perdeu o seu significado enquanto uma segunda residência e casa de família. Nos séculos que se seguiram, foi usado como uma fortaleza, uma prisão, quartéis e para fins residenciais “.

Esta é uma imagem avistada do ar, do complexo do castelo, sobranceiro e inserido na cidade como um todo. A foto obviamente não foi tirada por mim (ainda não possuo asas), mas sim retirada daqui.

Por efeitos das referencias a Landshut no texto informativo do placar, justifica-se o mapa seguinte que elucida a localização desta cidade em relação a Burghausen.

Atendendo a que na idade média não havia a rede rodoviária actual (e patente no mapa), a distancia entre os dois locais era bastante significativa.

A exploração propriamente dita deste complexo de castelo será feita no artigo seguinte…

3 thoughts on “O Castelo de Burghausen

    • Olá Angela!

      Sem dúvida alguma, o complexo de castelo é mesmo extenso e muito interessante. E a paisagem que se pode avistar do mesmo para as redondezas é igualmente imperdível.

      Beijinhos e espero que o fim-de-semana tenha sido fantástico

  1. Pingback: Os Pátios do Castelo Burghausen | Turista Ocasional

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s