Dia de S. Nicolau

O dia de S. Nicolau é um dia aguardado com muito entusiasmo pelas crianças, pois dita a tradição que  encontram guloseimas e presentes nas suas meias pela manhã.

Na Alemanha, o S. Nicolau pode ser comemorado em pequena escala, mas no infantário (pelo menos no do meu filho, que é católico) é um dia importante e jamais descurado. Em muitas casas as crianças colocam uma bota chamada Nikolaus-Stiefel (bota de Nicolau) fora da porta da frente na noite de 5 de Dezembro. O S. Nicolau enche a bota com presentes e doces durante a noite, caso verifique que as crianças foram boas, educadas e prestáveis no ano anterior. Caso não tenham sido, as crianças terão um galho de árvore (Rute) na sua bota.

Por vezes o S. Nicolau aparece disfarçado quando visita as crianças na escola/infantário ou em suas casas e pergunta-lhes se elas têm sido boas (às vezes ostensivamente verifica o seu livro de ouro pelos registos), distribuindo presentes com base nos seus  comportamentos prévios. Esta tradição tornou-se mais ténue nas últimas décadas.

Este ano acolhi mais esta tradição e o meu dois palmos também festeja o S. Nicolau em casa, e não apenas no infantário.

É relativamente fácil encontrar botas de S. Nicolau, vermelhas, de sarapilheira, cinza ou mesmo cor-de-rosa.

Mas nenhuma dessas cores de bota me parecia apropriada para o meu dois palmos. Neste caso e como não sou radical,  nem me passou pela cabeça que este item teria que ser cor-de-rosa, pois tal seria de todo inapropriado para um menino lindo como o meu dois palmos.

Assim fiz uma bota de S. Nicolau com e para o meu dois palmos. Uma bota azul de feltro e barra aos bicos branca, com fita de organza e pompons azuis, com o seu nome escrito com tinta prateada e Glue Glitter azul com brilhantes (para o S. Nicolau não se equivocar de quem se tratava) e com 3 estrelas azuis presas em arame.

Esta foi a bota já cheia, com o que S. Nicolau deixou para o meu dois palmos.

No ano transacto foram os pais da turma do meu dois palmos, que foram uma noite para o infantário, e decoraram os sacos de sarapilheira de S. Nicolau. Estes foram posteriormente cheios com chocolates, nozes e uma tangerina e entregues pessoalmente pelo S. Nicolau no dia 6 de Dezembro de manhã durante uma comemoração no salão das instalações do infantário.

Este foi o saco que eu decorei nessa noite, frente e verso respectivamente:

Este ano os sacos foram decorados pelas crianças… ou pelas educadoras, ainda não esclareci bem esse pormenor.

A certeza é que hoje o meu dois palmos chegará a casa todo empolgado porque esteve com o S. Nicolau e este lhe deu um saco com gulodices.

Por mera curiosidade: Ao contrário do que acontece na generalidade em Portugal, onde este dia não é de todo celebrado, há uma cidade em que tal acontece. Em Guimarães o São Nicolau é comemorado, desde a Idade Média como o santo padroeiro dos estudantes do ensino secundário, nas chamadas Nicolinas, um grupo de festividades que ocorrem de 29 de novembro a 7 dezembro de cada ano.

Advertisements

7 thoughts on “Dia de S. Nicolau

  1. Mas a Turista é mesmo um ser muito dotado.Os meus parabéns: pelos flocos que caiem do seu post e ainda pela beleza de bota que fez para o seu pequenote, muito linda. E feita pela própia Mãe, que gesto tão especial de carinho.
    Aceite um beijinho!

    • Dotada não sei se é a palavra certa, mas obrigada pelo elogio. A bota de S. Nicolau, foi apenas resultado da vontade de que o meu dois palmos tivesse uma bota que fosse apropriada para ele. Como encontrar uma que preenchesse esses requisitos numa loja afigurou-se inviável, a solução foi improvisar e recorrer aos materiais que encontrei à disposição. Com a vantagem que assim, o meu dois palmos sentiu-se incluído no processo, desde o momento inicial em que escolheu a cor do feltro que quis.

      Mas o melhor de tudo mesmo, foi hoje de manhã ver a alegria do meu dois palmos ao encontrar a sua bota, pendurada no lugar onde a tinha deixado no dia anterior, mas cheia com um presente (um livro (Buch) da Tip-toi (que sabia que ele iria gostar) para juntar aos que já tem desta colecção e algumas, poucas, gulodices.

      Um beijinho também para si

      P.S.: A neve no blog, é apenas um efeito do próprio wordpress nesta altura do ano, pelo que não tenho quaisquer créditos por isso.

  2. Turista:
    Estou impressionada!… Que talentosa, de facto! A bota ficou giríssima e cheia de pormenores muito bonitos e até mesmo profissionais. O M. deve ter adorado!…
    beijo
    Babette

    • Babette,
      Sinceramente não sei se foi uma questão de talento, acredito mais que foi uma questão de força de vontade. Eu queria uma bota que fosse apropriada em termos de cores e decorações para o meu dois palmos. Como não encontrei uma que preenchesse esses requisitos, não me dei por vencida, e comprei os materiais que considerei convenientes e necessários para o efeito. Em termos de materiais tenho sorte de viver perto de uma loja que é um verdadeiro paraíso, para quem quer fazer algum trabalho manual. Confesso que a bota ficou mais dispendiosa do que se tivesse comprado uma feita, mas fiquei francamente satisfeita com o resultado final. E o que é ainda mais importante, o meu dois palmos também gostou muito da sua bota.

      Beijinhos

  3. Pingback: Mais ideias de decorações de Natal, uma oferta Ferrero | Turista Ocasional

  4. Cara “Turista”

    Este “post” da Turista, sobre o costume de S. Nicolau, eu diria, “Um Pai Natal” antecipado!

    A “Turista” narrou-o com uma certa profundiade de ternura, paciência e altruísmo.

    A bota feita pela própria “Turista”, revela muita habilidade e imaginação. As estrelas dão-lhe “charme”!

    Com certeza que o seu 2 palmos adorou, não só o “glamour” da bota, mas também, o seu recheio. Quanta alegria!

    Permita-me que lhe diga, este seu “post” fez-me recuar há muitos anos atrás, quando estive nas festas Nicolinas, na companhia de pessoas muito queridas.

    Parabéns pelo excelente trabalho manual e pelo artigo!

    • Bom dia Cara Executiva!

      Eu sou suspeita para o dizer, mas também gosto bastante do resultado final da bota de S. Nicolau do meu filho que fizemos juntos.
      Deu-me mesmo imenso prazer desenvolver esta actividade com o meu filho e depois ver o brilho nos seus olhos com o resultado final e quando descobriu o que o S. Nicolau lhe tinha deixado.
      Quanto ao Pai Natal antecipado, acho que o S. Nicolau nao deve ficar muito aborrecido com a comparação.

      Mas a sua importância e reconhecimento depende mesmo do país em que este dia é celebrado. Segundo o que uma colega minha me disse, referindo-se aos costumes na Holanda, o dia de S. Nicolau lá é festejado no dia 5 de Dezembro, e em termos de importância ao nível da oferta de presentes, essa é bem maior que a do Pai Natal no Natal lá, pelo menos para as crianças.

      Muito obrigada pelo elogio e pelas felicitações.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s