A Meissen em Meissen

Hoje começo a descrever a visita ao Museu da Porcelana Meissen, em Meissen claro.

Esta é uma imagem do exterior do edífício do museu, retirada do livro “The Porcelain Museum of Porzellan-Manufaktur Meissen” que adquiri no museu (pois não possuo uma unica fotografia que apresente toda a fachada do edifício).

Eis alguns pormenores da fachada do edifício.

A visita guiada ao museu, começou com um pouco da história da Porcelana de Meissen, através de um vídeo apresentado numa sala propositadamente para esse efeito. Admito no entanto, que não consegui captar muito do que foi dito, pois apesar de ser possível efectuar a visita guiada em inglês, dado o numero reduzido de visitantes, só pude adquirir bilhetes para a visita em alemão (não havia massa crítica, para uma outra sessão em inglês).

A porcelana Meissen foi a primeira porcelana produzida na Europa e  foi desenvolvida a partir de 1708 por Ehrenfried Walther von Tschirnhaus. Depois de sua morte em Outubro, Johann Friedrich Böttger, continuou seu trabalho e levou a porcelana para o mercado. A produção de porcelana em Meissen, começou em 1710 e atraiu artistas e artesãos para estabelecer uma das produtoras de porcelana mais famosas, que ainda hoje se encontra em actividade como Staatliche Porzellan-Manufaktur Meissen GmbH.

O seu logotipo assinatura, as espadas cruzadas, foi introduzido em 1720 para proteger a sua produção; a marca das espadas cruzadas é uma das mais antigas marcas de existência.

Esta porcelana de Meissen dominou o estilo de porcelana europeia até 1756.

Caso estejam interessados em conhecer mais e melhor acerca da história desta porcelana recomendo que cliquem aqui, por exemplo.

Depois de sair da sala onde foi apresentado o vídeo, entra-se numas outras salas onde são apresentados workshops. Na primeira bancada assiste-se a um primeiro artesão que faz peças com recurso a moldes e a um torno para modelagem, como vasos ou chavenas. Na segunda encontrava-se uma artes que fazia peças mais delicadas e minuciosas como figuras de anjos e flores com finíssimas pétalas e folhas.

Admito que fiquei tão deslumbrada e estava tão atenta que me esqueci por completo de fotografar esses dois artesãos a demonstrarem o seu trabalho.

Na sala seguinte duas pintoras da porcelana apresentam essa atividade.

A primeira pinta a porcelana antes desta receber um banho de porcelana brilhante que altera a cor da pintura na porcelana e lhe dá o toque de brilho típico da porcelana final.

Segunda pinta as peças de porcelana depois destas terem tido o banho de brilho a elevadas temperaturas.

Depois da visita a estas salas de workshop termina a parte da visita guiada ao museu, já que a visita às salas de exposição é feita livremente e sem qualquer controlo do tempo.

E por falar em “tempo” esse será o tema do próximo artigo acerca deste museu.

One thought on “A Meissen em Meissen

  1. Pingback: Ainda no Marstallmuseum… | Turista Ocasional

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s