No segundo dia do Oktoberfest

Já visitei em diversos anos o Oktoberfest, e todos os anos sinto-me tentada a repetir a experiência.

Quase até que se poderia dizer que seria um sacrilégio vivendo cá, não visitar a festa rainha da cidade e para muitos até, da Alemanha. Afinal seguramente é a festa alemã que atrai mais visitantes internacionais e que é a mais conceituada mundialmente.

Mas curiosamente nunca tinha assistido ao grande desfile de trajes regionais pela cidade, que se realiza no primeiro domingo do Oktoberfest.

O desfile começa às 10:00 no Monumento Max II, perto da Ponte Maximilian e por ordem estas são as estradas (Straße) e praças (Platz) que compõe o percurso: Maximilianstraße, Residenzstraße, Odeonsplatz / Feldherrnhalle, Ludwigstraße (até à Galeriestraße), Briennerstraße, Amiraplatz, Kardinal-Faulhaber-Straße, Promenadeplatz, Pacellistraße, Lenbachplatz, Karlsplatz / Stachus, Sonnenstraße (leste da estrada), viragem na Josephspitalstraße, Sonnenstraße (oeste da estrada), Schwanthalerstraße, Paul-Heyse-Straße, Kaiser-Ludwig-Platz, Schubertstraße, Esperantoplatz.

Este é o respectivo mapa do percurso realizado pelo desfile (linha a vermelho; a linha a verde é a do desfile de sábado, o das cervejarias e dos anfitriões da festa).

Ao longo do percurso acumula-se uma multidão de pessoas que deseja ver o desfile in loco (o mesmo também é transmitido em directo e mundialmente pelo canal de televisão alemao ARD), e este ano eu fiz parte dessa multidão.

Mas caso não se pretenda ver o desfile em pé, sujeito à multidão e a não encontrar um lugar com boa visibilidade, é igualmente possível pré-adquirir um lugar sentado em uma das tribunas estrategicamente colocadas ao longo do percurso. O custo do bilhete para um lugar sentado na tribuna era de 35€ (para o desfile de sábado o custo do lugar de tribuna, alternativamente, era de 24,50€).

Eis onde ficam localizadas as tribunas:

  • Maximilianstraße (2 x tribunas de honra)
  • Max-Joseph-Platz – Residenzstraße
  • Max-Joseph-Platz  – em frente da Spatenhaus
  • Ludwigstraße/Odeonsplatz – Annast
  • Ludwigstraße/Odeonsplatz – SAL. OPPENHEIM
  • Ludwigstraße/Odeonsplatz – Filmcasino (VIP)
  • Ludwigstraße/Odeonsplatz –Reiterdenkmal (VIP)
  • Feldherrnhalle (Tribuna de honra)
  • Pacellistraße em frente do Maxburg
  • Stachus em frente do  Brunnenrodell (2 Tribunas)
  • Sonnenstraße em frente do Hausbank
  • Sonnenstraße em frente a Lindberg
  • Sonnenstraße Grünstreifen
  • Kaiser-Ludwig-Platz

A pré-aquisicao dos bilhetes pode ser feita online na München ticket.de (München Ticket GmbH, 80014 München, Tel.: +49 (0)89 / 54 81 81 81, Fax.: +49 (0)89 / 54 81 81 54) ou em alguns dos seus postos de venda na cidade

Em um dia tão concorrido no centro da cidade o melhor mesmo é andar de transportes públicos e foi justamente essa a minha escolha.

Atendendo ao percurso do desfile optei por sair na estação de Karlsplatz (Stachus), que faz parte do “corredor/tunel central” por onde passam todos os comboios sub-urbanos (os designados S-bahn).

Caso o meu destino final fosse Theresienviese (recinto do Oktoberfest), poderia sair nesta estação para trocar para as linhas de metro U4 e U5, que param na estação de Theresienwiese.

Mas no passado domingo em todas as estações por onde o S-bahn passava, advertiam para se optar por sair na estação de Hauptbahnhof e fazer o restante percurso a pé. Mesmo com o grande reforço dos horários das linhas que servem o Oktoberfest, durante o período em que este decorre, as carruagens de tão sobrelotadas estavam intransitáveis com o mínimo de condições desejáveis.

Presumo que nos outros dias esse problema já não se coloque tanto, e que seja possível usar o U4 e o U5 para chegar ou sair do Oktoberfest.

Estes são os mapas dos transportes públicos que convém não descurar para o efeito.

Este desfile ocorreu a primeira vez no ano 1835 em homenagem do 25º Aniversário de casamento do Rei Ludwig I e Theresa da Bavaria, e desde 1950 acontece anualmente sendo um dos pontos altos do Oktoberfest.

O Desfile é composto por cerca de 9000 participantes organizados em grupos e nesta listagem podem encontrar todos os agrupamentos e colectividades que participam neste desfile. Por uma questão de maior facilidade de “localização” dos agrupamentos, estes por sua vez integram um dos 60 grupos em que os desfile é dividido.

No início de cada um destes 60 grupos, uma, várias crianças ou um jovem transporta um pequeno estandarte com o numero respectivo desse grupo. Assim é mais fácil ter uma noção relativa de quantos grupos já passaram e de quantos ainda faltam passar.

No inicio do desfile, uma jovem com um traje de monge, em cima de um cavalo, representa o símbolo de Munique (é com este que também inicia o desfile de sábado).

Os agrupamentos e colectividades apresentam uma grande variedade de trajes, danças populares e outros costumes. Muitas regiões alemãs estão representadas no desfile em agrupamentos de trajes e de bandas de musica. Também existem grupos convidados oriundos de França, Itália, Noruega, Polónia, Áustria e  Suiça.

O desfile tem cerca de 7 Km de extensão e tem uma duração entre 2 e 2,5h.

Os grupos de trajes festivos alternam com atiradores, grupos folclóricos de montanha, bandas de música, grupos de trajes históricos, bandas militares, música de fanfarra e os porta estandartes.

Também não faltam as carruagens engalanadas das cervejeiras de Munique, uma grande delegação dos grupos bávaros folclóricos das montanhas, um bloco de tiro desportivo, carruagens do festival ricamente decoradas, e uma grande variedade de carros alegóricos mostrando costumes regionais e ofícios.

Em carruagens decoradas com flores e puxadas por cavalos, também participam no desfile o presidente da Câmara de Munique, Christian Ude, e o Primeiro Ministro da Baviera Horst  Seehofer, entre outras personalidades mas estas ultimas ligadas às próprias festividades.

Este artigo não pretende ser uma “reportagem” do desfile mas apenas mostrar um pouco em que consiste. Seria para mim impossível das 687 fotos que tirei, durante o desfile, compila-las de forma a mostrar a ordem e todos os grupos que compuseram tão monumental evento.

Advertisements

6 thoughts on “No segundo dia do Oktoberfest

  1. Emocionante, saber que a Turista se meteu entre a multidão. Pelos vistos valeu a pena, até para ter um lugar estratégico na obtenção das fotos.
    Apreciei muito a variedade dos trajes típicos. A música das bandas deve ter contríbuido para o tom alegre do desfile. As cervejeiras alemãs devem ter sido os Mecenas da Oktoberfest, calculo.
    Um beijinho.

    • Olá uma vez mais!

      A multidão não me incomoda muito, por si mesma, mas admito que com o meu três palmos prefiro evita-la sempre que possível. Mas apesar da enorme multidão, todos se mantém muito ordeiros e não houve confusão, durante a altura do desfile.
      Não se nota muito pelas fotos, pois eu tive o cuidado de evitar, mas esteve um policia durante todo o desfile virado de costas nem a 2 metros de onde eu estava.

      O desfile é muito animado, e o meu dois palmos apesar de cansado e sujeito a um sol intenso, nunca se queixou e assistiu muito atento durante todo o tempo. Quando a musica era mais animada ele de entusiasmado batia ligeiramente com o pé a acompanhar o ritmo.

      As carruagens das cervejeiras são a atracção principal já no desfile de abertura das festividades que decorreu no dia anterior, ou seja, sábado. No desfile de domingo também o enriquecem e conferem-lhe uma maior diversidade.

      Beijinho

  2. Cara “Turista”

    Apresento os meus parabéns pela maravilha que acabei de ver, através das fotos, do artigo de hoje.

    Acredite que, mais uma vez, fiquei fascinada, não só perante tanta beleza, mas também, pela organização de tal evento. Esta é a mensagem que o artigo da “Turista” me transmite.

    Avaliar pelo que vi nas fotos, todos os trajes típicos são muito interessantes.

    As carruagens transportando os barris das diversas marcas de cerveja, todas elas ricamente decoradas, com muita imaginação e coloridas, estão fabulosas.

    Se eu estivesse a assistir à passagem deste cortejo, não daria pela passagem do tempo!

    Não deixarei de registar na minha agenda, a fim de, no próximo ano, assistir a este esplêndido desfile.

    Beijinho.

    • Cara Executiva!
      O grande desfile de trajes do primeiro domingo do Oktoberfest, é mesmo imponente.
      Ainda bem que consegui demonstrar isso pelas fotos apresentadas no artigo.

      A organização do evento merece mesmo parabéns porque tudo decorreu dentro da normalidade, e muito bem apresentado, o que para coordenar tantos grupos e participantes não é uma tarefa nada fácil.

      Espero que coloque na sua agenda e que efectivamente no próximo ano possa desfrutar de Oktoberfest in loco com todos os seus atractivos, e pontos altos.

      Beijinho

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s