A igreja paroquial de Donauwörth, a de Nossa Querida Senhora

Na extremidade superior da Reichsstraße (8) em Donauwörth, fica a Igreja de Nossa Querida Senhora (14), a igreja paroquial da cidade.

O meu ponto de partida durante a visita exploratória à cidade, foi justamente também o ponto de chegada, a Reichsstraße, com a visita a esta igreja.

Esta igreja gótica de tijolos foi construída entre 1444 e 1467 como uma igreja salão com três naves. Ela substituiu a Igreja de Ulrich, existia previamente nesse local desde o século XI. Desde 1938, os frescos do século XV estão disponíveis ao público.

 

 

Toda a igreja é bastante sóbria e encantadora desde a entrada por cima da qual fica o órgão até ao altar-mor.  O nível do chão tem um declive de 120 cm da entrada para o altar, o que achei um pormenor muito curioso.

A igreja tem um tabernáculo de 1503, os epitáfios dos grandes Comandantes dos Cavaleiros da Ordem Teutónica, uma pia batismal de 1503, uma maravilhosa Pietá de pedra e uns famosos bancos do coro de 1690.

Eu gostei bastante dos coloridos e impressionantes vitrais da igreja.

A torre da igreja tem 218 degraus e pode ser visitada entre Maio e setembro. A torre também é chamada de “o guardião da Suábia”. O “Pummerin” dentro da torre é o maior sino na Suábia e é também chamado de pequeno irmão do mundialmente famoso “Pummerin` na cúpula da catedral de Viena.

Com a visita a esta igreja terminou a minha visita à cidade de Donauwörth.

6 thoughts on “A igreja paroquial de Donauwörth, a de Nossa Querida Senhora

  1. Cara “Turista”!

    A Igreja de Nossa Querida Senhora, conforme refere, é sóbria, mas bonita.

    Como gosto muito de vitrais, estes dão muita vida à Igreja.

    O chão é digno de menção!

    Bom fim de semana.

    Beijinho.

    • Boa tarde cara Executiva!

      Sem dúvida alguma que já visitei igrejas bem mais sumptuosas que esta igreja, mas como refere esta é sóbria e bonita.

      Os vitrais dão realmente muita vida e mais colorido à igreja.

      Eu achei particularmente curioso o facto do chão da igreja ter um declive da entrada até ao altar, pois suponho que tal não é muito frequente acontecer.

      Bom fim-de-semana

      Beijinhos

  2. Querida Turista:
    Mais uma igreja, embora mais simples que a anterior, também bonita e com esse pormenor curioso do declive do chão, por sinal lindíssimo. O tecto é muito interessante e a foto ( ângulo difícil!) muito bem tirada.
    Um beijinho e bom fim de semana, com muitos passeios!

    • Boa Noite!

      Esta igreja aparenta realmente ser bem mais simples que a da Santa Cruz, em vários domínios, inclusive na história que “carrega”.

      Espero que o seu dia de feriado tenha sido apenas o primeiro de um fim-de-semana prolongado muito bem passado.

      Beijinho

    • Olá Claudia!

      Está repleta de razão. Qualquer edifício religioso tem os seus encantos, singularidades e motivos de atenção, mesmo o das mais pequenas cidades e aldeias recônditas e aparentemente perdidas na paisagem.
      Beijinhos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s