Krapfen e Carnaval

Até ter vindo viver para a Alemanha, para mim as Bolas de Berlim, apesar do nome associado à capital alemã, sempre foram um bolo bastante popular e típico em Portugal, com um formato mais ou menos redondo (como o próprio nome sugere) e recheado sempre com creme pasteleiro.

A foto seguinte foi retirada da internet referente à Confeitaria Nandinha, considerada por alguns apreciadores, onde se podem encontrar as melhores bolas de Berlim no Porto (Rua Serpa Pinto, 74).

Bolas de Berlim

Mas na Alemanha o recheio e cobertura das Bolas de Berlim, conhecidas por Berliners, Pfannkuchen, Kräppelchen, ou Krapfen, dependendo da região do país, é muito variado. Mas é na altura do Carnaval que são mais populares e em que a diversidade e criatividade aumenta exponencialmente.

A questão que se coloca: Porque é que os bávaros comem Krapfen durante a época de Carnaval?

Existem numerosas versões que explicam porque é que os Krapfen são consumidos principalmente durante esta época do ano, mas a maioria delas atribui à dieta. Na idade média, esses doces, carregados de gordura eram comidos pelos fiéis, para aumentarem o volume e aguentarem os 40 dias de jejum durante a Quaresma. Como os Krapfen são feitos com manteiga e ovos e têm entre 200 e 300 calorias cada, teriam sido uma alternativa mais nutritiva ao pão simples comido tipicamente pelos pobres.

Mas cuidado, porque o Carnaval é conhecido como o período especialmente propício para as pessoas pregarem partidas. Afinal quem não conhece a expressão  “É Carnaval ninguém leva a mal”?

E nesse domínio os Krapfen não estão a salvo, e são objecto de uma partida bastante comum na sua preparação.

Em vez de rechear todos os Krapfen com um doce, muitas vezes marmelada caseira, os especialistas em “Fasching” recheiam um dos Krapfen alternativamente com mostarda. É sempre um momento interessante quando são oferecidos Krapfen caseiros, pois nunca se sabe com o que se pode contar. Uma coisa é certa: o olhar no rosto da pessoa que trinca o Krapfen “mustardado” é sempre impagável!

Os Krapfens oriundos directamente de uma confeitaria são muito mais seguros, isso é certo.

Espreite por exemplo a diversidade de opções que a Confeitaria Heinz oferece nesta altura:

Bäckerei Heinz – Krapfen

Em Munique, a Confeitaria Rischart, com diversas filiais no centro da cidade, é uma das com mais afluência, e também possui uma diversidade enorme de Krapfen à disposição do comprador.

Rischart – Krapfen

O Café Högl é outro dos imensos locais onde a oferta é enorme…

Cafe Högl – Krapfen

Café Högl – Krapfen

E na Confeitaria Riedmair, é mesmo possível  encontrar entre as opções, Krapfens de Cannabis (apesar de garantirem que as mesmas não contêm qualquer substancia ilegal).

Confesso que não sou apreciadora de Bolas de Berlim,  mas isso não me impede de falar nas mesmas, pois não lhe faltam fãs e ainda mais por cá nesta altura do ano.

O meu três palmos, pelo contrário, aprecia bastante, e a ultima que provou era recheada com creme de coco…

15 thoughts on “Krapfen e Carnaval

  1. Bom dia!
    Recomeçar o seu blogue com ideias doces é uma ironia do destino, após ter estado privada dele. Tem outro novinho, vê-se logo!
    Pensar numa bola de Berlim, de surpresa, ao pequeno almoço é uma ideia simpática que desperta a gulodice,mesmo a quem prescinde de
    doces habitualmente.
    Nem me tinha passado pela cabeça que são originários de Berlim!
    Achava-os um petisco, em miúda, quando os comia na praia.
    A brincadeira carnavalesca tem piada! Para quem só vê surpresa através dos olhos das vítimas…
    Beijinhos

    • Bom dia!

      Poder-se-ia pensar que o meu computador também me tinha pregado uma partida carnavalesca antecipada, mas a dele parecia persistente de mais para o meu gosto😉

      Quanto às Bolas de Berlim alemãs, uma das principais diferenças em relação às nossas familiares portuguesas, é que o recheio é injectado com uma espécie de seringa grossa, não sendo visível do exterior (por isso ser passível de não se saber previamente se se está a ser alvo de uma partida carnavalesca “mustardada” ou não)

      Quanto ao nome em si, curiosamente em Berlim, não são conhecidas por Berliners, mas sim por Pfannkuchen (bolo de frigideria), pois certamente os berlinenses achavam de mau tom serem confundidos com o nome de um bolo.
      É nas zonas do sul e do centro da Alemanha, assim como em grande parte da Áustria, que são conhecidas como Krapfen.

      Acho que não são particularmente originárias de Berlim, mas que estão bem enraizadas na Alemanha, isso seguramente, e propagaram-se a outros países.

      Beijinhos

  2. Querida Turista:
    Pois eu adoro bolas de Berlim, pelo menos as que se fazem em Portugal. Mas só quando são bem sequinhas e com creme bem feito. Mas essas doçarias que fotografou…devem ser uma delícia. A propósito, a minha casa fica próximo da dita confeitaria Nandinha. Quando por cá passar ofereço-lhe uma, combinado?
    Beijinhos.

    • Bom dia!

      As Krapfen carnavalescas tem mesmo bom aspecto e são muito coloridas. O meu três palmos ontem comeu uma com recheio de chocolate e cobertura às bolinhas denominada de Krapfen infantil.
      Eu não sou apreciadora de Bolas de Berlim, mas o meu três palmos com certeza aceitará agradecido a sua oferta😉

      Beijinhos e óptimo fim-de-semana

  3. Os assuntos sempre a rolar. Este merece ser mastigado mais um pouco, sugiro uma pesquisa no terreno para fazer um top 10…
    Fico sempre com a sensação que é preciso um manual de instruções como comer isto sem sujar ou polvilhar a roupa toda…

    • Claro! Com um apreciador a acompanhar-me, a ideia do top 10 é possível. Não te esqueças é que a tarefa de provador oficial não recaía em mim.
      Suspeito antecipadamente que a Krapfen de Straciatela, e a Liebekrapfen, devem figurar nesse top😉
      Beijinhos

  4. Já percebi a tua pergunta…. Não tenho nenhuma receita para estes doces tão típicos daqui e daí. Nunca fiz em casa. A Nandinha durante anos a fio era a nossa confeitaria. Vinha de lá o pão-de-ló, o bolo-rei (de há uns 3 anos para cá destronado pela tavi), alguns bolos de aniversário (cobertos de doce de ovos e amênodas torradas) e outros bolos pequenos. Curiosamente não me lembro de alguma vez ter comido uma bola de berlim de lá. Será que ando a perder alguma coisa???? pelo menos a “linha” agradece”
    Babette

  5. Cara “Turista”

    Muito interessante as várias versões que levam os bávaros a consumirem mais “Krapfen” nesta quadra! Não deixei de as registar. Obrigada!

    Enquanto que, as bolas de Berlim, em Portugal, são recheadas com creme de ovo, na Alemanha as mesmas teem diversos recheios, para todos os gostos.

    Os Krapfens, da Confeitaria Heinz, são muito coloridos e com muita imaginação!

    Creia, que nunca comi uma bola de Berlim!

    Beijinho.

    • Cara executiva!

      Como referi, a mim as Krapfen enchem mais a vista do que o estômago, mas admito que a popularidade delas por cá é surpreendente. E os homens cá da casa puderam manter a tradição da Baviera, deliciando-se com algumas.

      Beijinhos

  6. Queres saber de uma coincidência engraçada?…. Hoje os meus sogros vieram cá de tarde e trouxeram aos meninos 2 bolas de berlim da… Nandinha!… Isto sem ter comentado nada com eles do teu post, claro, muito menos do meu anterior comentário… Nem eles costumam ir lá, mas como passaram e se lembraram que eu costumava lá comprar o bolo-rei, acabaram por entrar. Dei uma trinca e são realmente fofas e boas!
    Babette

    • Olá Babette!
      Realmente uma coincidência no mínimo curiosa.
      Agora já podes falar com conhecimento de causa acerca das Bolas de Berlim da Confeitaria Nandinha e confirmar a qualidade das Bolas de Berlim de lá.
      Obrigada por este comentário extra, bastante esclarecedor a esse nível.
      Beijinhos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s