Há mesmo muitas…

Em Regensburg existem realmente bastantes igrejas no centro da cidade, pelo que é impossível para mim não me repetir ao reafirma-lo.

Este artigo pretende apenas apresentar mais algumas dessas igrejas.

A Nova Igreja Paroquial (Neupfarrkirche)  é uma igreja evangélica localizada na praça denominada de Neupfarrplatz. A sua construção foi iniciada após a destruição do bairro judeu num pogrom no ano de 1519.

Regensburg - Nova Igreja Paroquial - Neupfarrkirche

Esta igreja protestante luterana é a mais antiga igreja da reforma protestante em Regensburg. Não só é a igreja original da congregação protestante, como também é considerada como o ponto de partida para a propagação da fé protestante do norte para os países do Sudeste da Europa e dos Balcãs.

O Conselho da cidade de Regensburg em 1542 introduziu formalmente a Reforma na cidade e apenas os serviços da igreja protestante Neupfarrkirche ficou inicialmente disponível. Mais tarde outras duas igrejas ficaram disponíveis para os servicos protestantes, mas com a indisponibilidade posterior de uma delas, em 1628 havia uma clara uma falta de espaço adjudicado à comunidade protestante, o que abriu espaço para a existencia de uma nova igreja. A decisão de construir essa nova igreja, tinha sido feita já em Fevereiro de 1627 pelo Conselho da Cidade.

O mestre de Nuremberga, Johann Carl (1587-1665) foi contratado para projectar o novo edifício da igreja, apesar de nao ter experiencia como construtor e engenheiro de igrejas. Ele elaborou dois projectos:  o primeiro, de uma igreja salão com três naves na tradição do gótico tardio, e outro de um edifício salão sem colunas. Este ultimo foi apresentado  ao Conselho da cidade e finalmente realizado, com algumas modificações.

A pedra fundamental foi lançada  a 4 de Julho de 1627 e a Igreja foi inaugurada a 5 de Dezembro de 1631, sem a torre sul concluída, mas que devido ao caos da guerra religiosa, permanece inacabada até ao presente. O mesmo se aplica aos esplêndidos portais que foram previstos, mas que também permanecem inacabados.

A igreja da Santissima Trindade (Dreienigkeitskirche), na Am Ölberg 1, tornou-se assim a primeira igreja originalmente protestante no sul da Alemanha e reflecte na sua arquitectura a reforma da igreja e a compreensão da comunidade. E uma vez que não foram feitas alterações nos séculos seguintes, manteve a sua unidade e originalidade.  

Regensburg - Igreja da Santissima Trindade - Dreieinigkeitskirche

Regensburg - Igreja da Santissima Trindade - Dreieinigkeitskirche - interior

No Alter Kornmarkt 7, encontra-se o Mosteiro e Igreja Carmelita de S. José (Karmelitenkloster Sankt Joseph), erguidos no século XVII (os alicerces foram lançados a 12 de Outubro 1641 aquando da estadia do imperador Fernando III, mas por dificuldades financeiras a igreja só foi concluída e consagrada em 1672).

A presença das Carmelitas em Regensburg remonta ao século XII, onde permaneceram durante cerca de 80 anos, em que um novo convento foi construído em Straubing e estas terem-se mudado para lá. Foram necessários 300 anos depois para o imperador Ferdinando II nomear as Carmelitas descalças para Regensburg, e estas regressarem à cidade.

Regensburg - Igreja das Carmelitas

Advertisements

2 thoughts on “Há mesmo muitas…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s